quarta, 23 de outubro de 2019 - 05:39:40 PM
quarta, 23 de outubro de 2019 - 05:39:40 PM
Lucio Jaques
Andrioli Projetos
PUBLICADA EM 10 de julho de 2019 - 1:57 PM

Dnit confirma início das obras do trevo de acesso a Passos Maia, na BR-282 em Ponte Serrada

Reana Seguros

 

A obra do trevo de acesso a Passos Maia, na BR-282 em Ponte Serrada, vai iniciar entre o final deste mês e o começo de agosto, informou ao Oeste Mais o supervisor regional do Dnit de Chapecó, Diego Fernando da Silva. Ele também disse que o prazo vale para o início da obra de acesso ao Contorno Viário Leste em Xanxerê, ligando a BR-282 à SC-480.

xatamente há um mês, o Oeste Mais noticiou que o Dnit previa para o segundo semestre a realização do trevo. Conforme Diego, são quatro melhoramentos previstos para trechos da BR-282 até o final do ano. Além do trevo em Ponte Serrada e o acesso ao contorno em Xanxerê, será realizada uma obra no acesso à área industrial no município de Xaxim e outra em um acesso a uma via lateral no perímetro urbano de Xanxerê.

 

O trevo na BR-282 em Ponte Serrada é aguardado há tempos por motoristas e pedestres que passam pelo distrito de Baía Alta, com promessas de início da execução feitas há mais de um ano. A obra também já foi bastante cobrada pelos prefeitos de Passos Maia e Ponte Serrada em viagens a Florianópolis.

 

Iluminação em trevos já construídos

 

O supervisor regional do Dnit ainda explicou que a iluminação nos trevos já construídos, no trecho da BR-282 entre Ponte Serrada e Chapecó, depende de tratativas com os municípios. Segundo Diego, na execução das obras é realizada toda a infraestrutura, com implantação de caixas e eletrodutos, mas a colocação de postes, luminárias e cabeamentos deve ser acordada com os municípios.

Radares

 

O supervisor também confirmou que todos os radares vistos nas margens da BR-282 seguem desativados e são aguardadas definições sobre uma possível reativação. Em Santa Catarina ainda está pendente a conclusão de um processo licitatório para a definição da empresa responsável pelo gerenciamento dos equipamentos.

 

A estimativa é que pelo menos parte dos radares sejam religados em pontos estratégicos das rodovias federais. “A gente já deu andamento em alguns estudos preliminares, de viabilidade para implantação, aí depois, com a contratação [da empresa] concluída, a gente vai partir para os estudos técnicos de instalação”, disse Diego.Por:Oeste Mais.

Cartão Sipag

Parceiros

Tiecher Banner
Tatu parceiros
Wilson Martins
Piccoli Parceiros

Publicidade

Inviolavel
Momento FM