quarta, 19 de setembro de 2018 - 12:37:03 AM
quarta, 19 de setembro de 2018 - 12:37:03 AM
Lucio Jaques
Sessões Setembro
Cemei
Sífilis
PUBLICADA EM 24 de maio de 2018 - 1:27 PM

Gelson Merisio descarta PSDB

Reana Seguros

O pré-candidato ao governo pelo PSD, deputado estadual Gelson Merísio, em recente entrevista, afirmou com todas as letras que o PSDB está fora da coligação PP e PSD. Ao ser questionado sobre convite ao senador Paulo Bauer para que participe do pré-lançamento de sua candidatura ao governo, que acontece neste sábado (26) em Chapecó, Merísio resumiu: “Bauer não foi convidado e nem será. O PSDB deixa claro que não abre mão da cabeça de chapa. O que vão fazer lá?”, questionou.

A conversa flui

Conforme o pré-candidato ao governo, deputado Gelson Merisio, a conversa com o PP flui naturalmente, porque tanto ele como o pré-candidato ao governo, o deputado Esperidião Amin tem o nome colocado como pré-candidato, e aceitam abrir mão em nome de um projeto, o que não acontece no caso dos tucanos.

Merisio X Amin

Esta afirmação de Gelson Merisio descartando a possibilidade de uma aliança com o PSDB é muito forte, visto que o pré-candidato pelo PP, deputado Esperidião Amin, tem firmado por mais de uma vez que há conversas constantes dele com o senador Paulo Bauer, demonstrando uma certa aproximação e possibilidade de fechar uma coligação com os tucanos. Tanto é, que Amin pediu para Merisio convidar o senador Bauer para ir no lançamento em Chapecó. E, agora, Amin vai na festa de lançamento de Merisio?

Posse de Callfass

Na próxima sexta-feira (25) será realizada a transmissão de cargo do Delegado Regional da Comarca de Xanxerê, delegado Fernando Callfass. O ato acontecerá na sede social do Sicoob Credimoc, às margens da BR-282, saída para Faxinal dos Guedes, às 19h30. Estará presente na solenidade o governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira e o Delegado Geral da Polícia Civil de Santa Catarina, Marcos Flávio Ghisoni Júnior e convidados.

A volta do kaiser

Quem voltou ao cenário político foi o “kaiser” Jorge Konder Bornhausen, que ofereceu um jantar, em Florianópolis, e reuniu à mesma mesa Esperidião Amin (PP), Raimundo Colombo (PSD) e Paulo Bauer (PSDB). JKB articula para que o senador Paulo Bauer permaneça como opção para a cabeça de chapa, apesar das investigações sobre o suposto uso de caixa 2 na campanha de 2014.

MDB aposta em Meirelles

Como já era de esperar, o presidente Michel Temer (MDB) desistiu de concorrer à reeleição. Uma decisão acertadíssima, afinal o índice de aprovação de Temer é de 5%, com uma reprovação de72%, conforme a última pesquisa do Ibope em abril, imagine agora com esta greve dos caminhoneiros. A solução foi mesmo apostar em Henrique Meirelles. Nos bastidores a conversa é que Meirelles quer mesmo é ser vice de Geraldo Alckmin (PSDB) na disputa à presidência.

Dolarizou

A desastrosa decisão do presidente da Petrobras, Pedro Parente, de impor ao Brasil a dolarização da gasolina detonou uma grave crise que deve se agravar, provocando um nível de desabastecimento inédito no País. O presidente Michel Temer não quer demitir Parente, a quem andou elogiando, mas seu pedido de demissão seria recebido com “grande alívio”. Parente nem sequer ajudou a definir uma solução para o problema que ele próprio criou, tipo “se virem”, dizem fontes do governo.

Liberar o etanol

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, admitiu apoiar iniciativas para libertar o etanol do controle da Petrobras e distribuidoras. A ideia seria favorecer a livre concorrência, permitindo que produtores vendam seu etanol diretamente aos postos, como em todo o mundo. Com isso, o produto nacional teria condições de concorrer com a gasolina no abastecimento dos automóveis flex. Para impedir a competitividade do etanol, a Petrobras reajusta seu preço juntamente com a gasolina, cuja rentabilidade fica assegurada.

Cartão Sipag

Parceiros

Tiecher Banner
Tatu parceiros
Piccoli Parceiros

Publicidade

Fit Fish
Inviolavel
Callfass Transportes
Momento FM