quinta, 01 de outubro de 2020 - 02:22:41 AM
Lucio Jaques
Reana Seguros
PUBLICADA EM 22 de janeiro de 2020 - 6:37 PM

Governador Carlos Moisés não falará sobre impeachment

App Sicoob

O governador Carlos Moisés (PSL) retornou ao comando do governo, após 14 dias de férias. O primeiro ato foi reunir seu grupo de trabalho, secretários, presidentes de autarquias e alguns assessores mais próximos e decidiu que não concederá entrevistas sobre o processo por crime de responsabilidade, proposto pelo defensor público Ralf Zimmer Junior, em função da equiparação dos salários dos procuradores do Estado com os da Assembleia. A integrantes de sua equipe, Moisés fez uma leitura política do episódio, que seria, na opinião do governador, a motivação de Zimmer Junior. Ainda apresentou um vídeo aos presentes, onde juristas e especialistas descartaram a ocorrência do crime que levaria à abertura do processo de impeachment. Na próxima sexta-feira (24), o secretário da Casa Civil Douglas Borba deve levar as manifestações do governador, da vice Daniela Reinehr e do secretário Jorge Eduardo Tasca (Administração) à Assembleia, bem antes do prazo de 15 dias, aberto na semana passada.

Nathan Moreira quer disputar a majoritária

O vereador Nathan Moreira começa o ano com vários projetos, um deles é ir para o PSDB. Questionei o vereador se seu nome continuava à disposição para disputar a majoritária. “Meu nome ficará a disposição do PSDB para a majoritária. Respeito todos os integrantes, buscando sempre espaço de maneira natural e construtiva. Minha entrada é com total aceitação da Executiva, com a chancela do ex-prefeito Bruno Bortoluzzi, o qual já estivemos juntos em sua campanha pela reeleição em 2012. Acredito também na condução do trabalho pelo presidente da sigla, Pericles Vicini”, disse.

PSDB ainda não apresentou candidato

O PSDB xanxerense escolheu seu novo diretório municipal, mas ainda não apresentou um nome para disputar a eleição a prefeito. Até agora existem especulações de possíveis nomes, como do empresário Oscar Martarello e do atual presidente, o empresário Péricles Vicini. Outro nome que vem sendo cogitado é do delegado Fernando Callfass, hoje sem partido. Mas nada é confirmado. Os tucanos estão formando um grupo e buscando unidade no partido. Mas uma coisa é certa, o PSDB terá candidato a prefeito.

Xanxerense na executiva nacional do PT

O PT nacional realizou o Processo Eleitoral (PED), ou seja, eleições internas, onde os filiados escolhem seus dirigentes através de um debate aberto. A deputada federal Glesi Hoffmann (PT-PR) foi reconduzida à presidência nacional e Décio Lima reconduzido à presidente estadual em Santa Catarina. Na direção nacional, duas representantes de Santa Catarina ajudarão a debater e dar a linha ao partido. A ex-senadora e ex-ministra Ideli Salvatti e a jovem filiada Karine Collelo. Karine está filiada ao PT de Xanxerê e é integrante do “Movimento Fortalecer o PT”,  agrupamento  que costuma  conversar e sugerir mudanças dentro da política interna partidária. Para a gestão 2020/2023 elas serão as únicas representantes catarinense na direção nacional do partido.

Eskudlark  vai priorizar a base e as rodovias

Conforme o deputado estadual Mauricio Eskudlark  (PL), em 2019 foi convidado pelo governador Carlos Moisés para ficar um ano como líder de governo e  aceitou o desafio, que acabou em dezembro. O deputado ressalta que  teve que enfrentar desafios e dificuldades, a exemplo do aumento do ICMS do agrotóxico para 17%, a reforma administrativa e aprovação do novo orçamento, entre outros projetos importantes. Agora vai cuidar diretamente das rodovias do Oeste e estar mais perto da base fazendo a política que mais gosta, estando presente em todos os municípios em eventos e audiências. “Não sei quem será o novo líder, mas eu com certeza não serei”, finalizou.

Roteiro do PSL

O presidente do PSL, deputado federal Fabio Schiochet, está em roteiro pelo Estado visitando municípios e convidando lideranças locais para ingressar na sigla. “Esse trabalho com as bases e as conversas com lideranças com perspectivas de ingressar no PSL é essencial na construção de um partido forte e com presença em todas as regiões de Santa Catarina. Estou muito satisfeito com o resultado até aqui, o PSL é visto por lideranças políticas como uma excelente oportunidade da construção de um novo grupo político, conectado com as exigências e expectativas do povo catarinense. A prova disso é o expressivo número de prefeitos, vices e vereadores que estarão ingressando no partido nas próximas semanas”, relatou Schiochet.

Reunião produtiva

Conforme o presidente do PRTB Maicon Imbes o partido  realizou mais uma grandiosa e produtiva reunião. “Iniciamos os trabalhos de 2020 focados e motivados para apresentar a Xanxerê este magnifico projeto de renovação política. Pessoas desvinculadas e focadas no bem coletivo. No bate papo restou claro e evidente o comprometimento de todos. Nenhum interesse pessoal ou de pequenos grupos pode sobrepor o interesse da comunidade. Afirma. Imbes esta trabalhando para lançar candidato a prefeito nestas eleições.

Ataques

A reação agressiva da oposição ao convite à atriz Regina Duarte deu ao presidente Jair Bolsonaro, segundo fontes do Palácio do Planalto, a certeza de que ele foi feliz na escolha da nova titular da Secretaria Especial de Cultura do seu governo. Regina foi atacada e até ameaçada, após o convite. A doce “namoradinha do Brasil” não se deixou impressionar, mas fez um apelo dramático aos apoiadores, nas redes sociais: “Fiquem comigo, vou precisar saber que estão comigo”. A prerrogativa de escolher e indicar nomes para seu governo é do presidente e fim de papo. Ele tem o bônus e ônus das suas escolhas.  Falando nisso, nosso presidente não  tem sido feliz em muitas escolhas de ministros que fez o ano passado. Mas vamos em frente.

Líder mundial

O jornal Hindustan Times, de Nova Deli, informou que o presidente Jair Bolsonaro será o principal convidado no desfile do Dia da República, domingo (26). “Ter um líder mundial como convidado principal é uma honra reservada aos aliados e amigos mais próximos da Índia”, explicou o jornal.

Pena

Denunciado à Justiça por associação criminosa e interceptação telefônica ou informática sem autorização judicial, o americano Glenn Greenwald está sujeito a pena de 3 a 7 anos de cadeia.

Compras

O valor gasto pelo governo federal em compras por meio de licitações superou R$ 1 trilhão no ano passado. Foram 168.557 compras com 95,78% de participação de micro e pequenas empresas.

Parceiros

Fit Fish

Publicidade

Inviolavel
Momento FM