quarta, 26 de junho de 2019 - 01:03:07 PM
quarta, 26 de junho de 2019 - 01:03:07 PM
Lucio Jaques
Andrioli Projetos
PUBLICADA EM 20 de março de 2019 - 7:19 PM

João Rodrigues traz presidente da Alesc a Chapecó

Reana Seguros

Nesta sexta-feira (22), a partir das 19h, no CTG Quero-Quero, em Chapecó, o deputado João Rodrigues (PSD) promove um encontro regional com a presença do presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), Júlio Garcia e mais de 20 prefeitos do partido de várias regiões do Estado. O encontro faz parte da programação de aniversário do deputado João Rodrigues, que neste sábado (23), completa 52 anos.

E a política na Campina???

É só você sentar em uma roda de conversa que a pergunta vem: Mas e a política como está na Campina da Cascavel? Na realidade, existem muitas especulações de quem serão os candidatos a prefeito. Muitos nomes já surgiram, mas ainda não se percebe algo de concreto que tenha a defesa partidária, são mais manifestações pessoais dos possíveis candidatos. Em algumas regiões do estado a eleição do ano que vem já começa a ser discutida e nomes começam a surgir, a exemplo do Sul do estado. Já no Oeste a coisa está muito morna.

Não se manifestaram

A eleição do ano que vem está sendo atípica na Campina da Cascavel e até na região. Talvez pelo efeito Bolsonaro e a derrota nas eleições, muitos partidos estejam esperando a manifestação dos candidatos do PSL. Em Xanxerê, não vejo tanto este efeito, mas faz com que os partidos tracionais tenham uma certa cautela em se manifestar, antecipadamente. Mas todos já têm os seus candidatos a prefeito.

Revoada no ninho tucano

Informações de bastidores dão conta que deve acontecer uma revoada no ninho tucano de Xanxerê.  Um grupo de lideranças do PSDB deve pedir desfiliação do partido, antes da convenção que acontece no mês de abril. O partido ainda não foi definido. Nesta revoada tem tucano de alta plumagem.

MDB continua dividido

O deputado estadual estreante do MDB, Fernando Krelling, foi indicado como pré-candidato à presidência do partido pela maioria da bancada durante o almoço de bancada do partido que acontece todas as terças-feiras na Alesc. Foi um bonito gesto, mas antes tem que entrar na fila, pois hoje postulam o cargo o senador Dário Berger, entre outros.  Muita calma nesta hora, deputado.

Longo processo

Por mais que os deputados estaduais constituem uma das muitas instâncias que precisam ser consultadas e convencidas para escolha do novo presidente do MDB, os cem prefeitos, vices, bancada federal e os 295 diretórios são fundamentais na tomada de decisão da escolha do novo presidente.  Em síntese, o MDB continua dividido nesta questão da presidência. Este sempre foi o MDB.

Cobalchini está de fora

O deputado estadual Valdir Cobalchini, o emedebista mais votado à Assembleia nas últimas três eleições, afirmou que está fora da disputa à presidência do partido na próxima convenção. Dará prioridade ao mandato, uma cobrança dos eleitores, e ao projeto de 2022, uma vaga na Câmara Federal.

Chateado com MDB

Na realidade, Cobalchini está chateado com o MDB, que não apoiou seu nome para presidência da Alesc e não quer entrar em uma bola dividida na disputa pela presidência do partido. Uma injustiça com o deputado Cobalchini, que deveria ser aclamado, afinal quando esteve na presidência do MDB fez um belíssimo trabalho e o partido cresceu em musculatura política, representativa e organizacional. Cobalchini já deu menção que pode sair do MDB. A conferir.

Segurança em alerta

O desembargador do Grupo de Monitoramento e Fiscalização (GMF) do Tribunal de Justiça, Leopoldo Augusto Brüggemann, esteve em Chapecó nesta quarta-feira (20), quando conheceu o complexo prisional do município. O desembargador afirmou: “Fiquei abismado com a estrutura que Chapecó oferece. Só não se recupera, quem não quer. Senti-me orgulhoso em ver que nosso estado tem uma unidade como a Penitenciária Industrial de Chapecó”. Mas também fez um alerta “Se não resolvermos a falta de vagas nas unidades prisionais, o problema vai ‘estourar'”.

Meta ousada

A meta do novo presidente da Junta Comercial do Estado de Santa Catarina (Jucesc), empresário Juliano Chiodelli de desburocratizar e diminuir o tempo necessário para a abertura de uma empresa para cinco dias é ousada, mas vem ao encontro dos anseios de todos empreendedores catarinenses que hoje levam aproximadamente cem dias para abrir sua empresa. “Vamos, juntos, construir um novo capítulo na história de Santa Catarina”, disse o novo presidente.

Bancada da bala

A bancada da bala resolveu inovar e distribuiu paras os nobres deputados e apoiadores caneta e prendedores de gravata em forma de fuzil. O ato aconteceu numa solenidade durante o lançamento da Frente Parlamentar da Segurança Pública. O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que é favor da redução da maioridade penal e quer a indústria estrangeira fabricante de arma no Brasil, foi um dos agraciados.

Cartão Sipag

Parceiros

Tatu parceiros
Wilson Martins
Tiecher Banner
Piccoli Parceiros

Publicidade

Inviolavel
Fit Fish
Momento FM