sexta, 20 de setembro de 2019 - 09:19:44 PM
sexta, 20 de setembro de 2019 - 09:19:44 PM
Lucio Jaques
Andrioli Projetos
Sarampo
PUBLICADA EM 19 de julho de 2018 - 3:30 PM

Raimundo Colombo defende uma ampla aliança

Reana Seguros

O ex-governador Raimundo Colombo, pré-candidato ao senado pelo PSD, voltou a afirmar que todas as conversas em âmbito estadual são para unir o PSD, PP, PSDB e o DEM, além de outros partidos como o PDT e o PSB, visando à chapa para as eleições deste ano. Colombo afirmou que defende a candidatura do presidenciável Geraldo Alckmin, do PSDB, e que não acredita em intervenção no Estado para a formação das chapas. “Não acredito em definições imediatas”, afirmou Colombo. Para ele, o processo deve se estender para bem próximo do prazo final para definições.

Convenção do PSD

O PSD realiza no próximo sábado (21), a partir das 10h, na Assembleia Legislativa, a sua convenção estadual, quando serão definidas as candidaturas ao governo do estado, senado, deputados estaduais e federais, além das coligações. O pré-candidato ao governo, deputado Gelson Merisio chegou a afirmar, recentemente, que seu vice será o vereador de Joinville Ninfo konig. A conferir.

Rodrigues vai à reeleição

Na convenção do PSD também deve ser confirmada a candidatura do deputado federal João Rodrigues à reeleição. Mas Rodrigues vai aguardar para o final de julho ou até dia 15 de agosto o julgamento de recursos jurídicos no Supremo Tribunal Federal (STF) ou no Supremo Tribunal de Justiça (STJ) que analisarão o mérito da sentença ou a prescrição da penalidade. “Qual é o valor do dano? Nada. Por enquanto sou um presidiário, mas estou preso por um motivo que considero um equívoco. Fui vítima de um equívoco que espero que seja corrigido num futuro muito breve. Acredito no julgamento dos ministros do STF ou do STJ”, afirma João Rodrigues.

Cabeça de chapa

A reunião do PSDB serviu para que algumas coisas fossem esclarecidas. O pré-candidato ao governo, senador Paulo Bauer foi taxativo em afirmar que a conversa que tem surgido nos bastidores de que ele poderia formar uma chapa com Esperidião Amin (PP) não procede. Os tucanos não abrem mão da cabeça de chapa.

Negociações avançadas

O presidente do MDB e pré-candidato ao governo, deputado Mauro Mariani, confirmou que já existe entendimento de uma aliança com o PR e a candidatura do deputado Jorginho Melo ao senado. Com o PPS as negociações estão avançadas e quase conclusivas. Faltam detalhes da coligação na proporcional. Sobre o PSDB, Mariani disse que continuam as conversações, mas que respeita a decisão dos tucanos de terem candidato a governador.

PPS vai pensar

O pré-candidato ao governo pelo MDB, deputado Mauro Mariani, se reuniu com a comissão eleitoral do PPS, em Lages. Mariani falou sobre os projetos para o estado e a importância de ter um partido como o PPS na coligação. A deputada federal Carmen Zanotto, afirmou que a conversa foi bem positiva, mas quem vai decidir é o coletivo eleitoral. “Queremos buscar uma coligação que fortaleça as boas ações e com propostas para o desenvolvimento do nosso Estado”, disse.  Em síntese, o PPS vai analisar a proposta.

Liberar o financiamento

O governador Eduardo Pinho Moreira viajou nesta quinta-feira (19) para Brasília, onde cumpre uma agenda que prevê várias audiências. Mas o alto da ida à capital federal será negociar a liberação do financiamento de R$ 723 milhões que tramita no BNDES. Caso Moreira consiga a liberação deste financiamento, o governo poderá respirar mais aliviado até o final do ano, o que irá beneficiar, e muito, a candidatura ao governo de Mauro Mariani.

 

Cartão Sipag

Parceiros

Tiecher Banner
Piccoli Parceiros
Tatu parceiros
Wilson Martins

Publicidade

Inviolavel
Fit Fish
Momento FM